domingo, 30 de março de 2014

CURITIBA HOMENAGEIAM PALESTINIA

No dia de ontem, 30 de março de 2014, a Mesquita Imam Ali, em Curitiba - PR, homenageou a Palestina no chamado Dia da Terra. Tudo aconteceu durante e após as visitações a mesquita tão tradicionais no domingo pela manhã e tarde. Durante as celebrações do Dia da Terra a mesquita passou filmes sobre a Palestina e teve uma palestra com um palestino que mora na cidade falando sobre sua terra natal. O apoio ao povo palestino é geral entre os muçulmanos que moram no Brasil, sejam nativos ou árabes.

A MESQUITA DE MANAUS


Hoje vamos falar de uma mesquita que esse blog teve o prazer de noticiar sua fundação, a Mesquita de Manaus, capital do Amazonas. A cidade de Manaus é uma das mais ricas do Brasil e um dos principais polos econômicos do país. Fundada no século XVII, a cidade teve uma grande crescimento a partir do século XIX com o ciclo da borracha no local, que proporcionou grandes avanços em questão de economia e população local. Porém o maior impulso após o ciclo da borracha foi a criação da Zona Franca na década de 1960.

Não se sabe ao certo quando os primeiros árabes chegaram na Amazônia, porém o estudioso Gaitano Antonnacio afirma em seu livro “A Colônia Árabe no Amazonas” que os primeiros muçulmanos chegaram no ano de 1905, e eram os irmãos sírios Abdon e Abdul Hauache. Após esses, começaram a chegar os primeiros palestinos ao local nas décadas posteriores. Diferentemente de muitas outras comunidades islâmicas do Brasil, a comunidade de Manaus atraiu muitos muçulmanos de países vizinhos como a Guiana e o Suriname, e nos últimos anos apareceram um grande número de brasileiros revertidos ao islam. Não há dados hoje de quantos muçulmanos existam no Amazonas, mas crer-se ser em torno de 500, sendo cerca de 300 só na capital. Os muçulmanos locais, antes da construção da mesquita sempre se reuniam já em locais alugados com o fim de realizarem suas orações e serviços religiosos.

Os primeiros recursos monetários para a construção da mesquita começaram a ser reunidos na década de 1970, porém na de 1990 essa arrecadação ficou parada, retornando somente no ano de 2004. Logo após veio a aquisição do terreno e posteriormente a construção da Mesquita. Quando a mesquita já estava pronta, ainda sem colocar vários adereços dentro da mesma e sem a inaugurarem os muçulmanos locais já utilizavam-se da mesquita para rezar e fazer jummah. A mesquita foi oficialmente fundada no dia 12 de setembro de 2012, e esse blog foi feliz por poder anunciar a fundação da mesma [segue o link nas Fontes].
Hoje a mesquita é a única da região norte, e conta com grandes espaços em seu interior, bem como bibliotecas e garagens. O Sheik da mesquita é o egípcio Saber Abdel Rahman Ali, de 40 anos, que dirige a mesma desde sua fundação. A mesquita não fica parada e oferece aulas de religião, árabe e outras, além das celebrações de Eid's, jantares no ramadan e todas as outras celebrações religiosas.

FONTE:
http://www.islammanaus.com.br/
Revista Evidências, n 3, “Os Muçulmanos da Amazônia”.

domingo, 23 de março de 2014

ANÁPOLIS RECEBE SEU PRIMEIRO SHEIK

A cidade de Anápolis, no interior de Goiás, bem próxima a capital Goiânia, foi escolhida para receber o primeiro Sheik do estado, bem como o primeiro Sheik a assumir a Mesquita de Anápolis, que é o Sheik Nasser Sahim, que já tem passagem por mesquitas de São Paulo. Ele assumiu em uma cerimônia feita nesse fim de semana, onde também a nova diretoria da Mesquita assumiu com o propósito de trabalhar para o islam no local. Anápolis é a cidade goiana com o maior número de muçulmanos, seguida de Jataí, Trindade, e a capital Goiânia. A presença de um Sheik formado no estado, juntamente  a recente abertura de uma filial da ILAEI no estado, possibilitará cada vez mais a propagação do islam nesse estado.

terça-feira, 18 de março de 2014

FILIAIS DA ILAEI SÃO INAUGURADAS NO MS E GO


Foram inauguradas dia 14 e 15 o Instituto Latino Americano de Estudos Islâmicos - Filial MS na sala 3 na sede da Mesquita de Campo Grande, MS e o Instituto Latino Americano de Estudos Islâmicos - Filial GO em Goiânia, capital de Goiás. Em Campo Grande, MS, a inauguração contou com a presença do Sheikh Dr Mohammad Alrohaidi e o Sheikh Abdul Baqui Osman. O Instituto tem como objetivo melhorar a divulgação do Islã nas cidades de Campo Grande e Goiânia, bem como seus respectivos estados. O ILAEI oferece cursos a distância de Dawah (Divulgação do Islam) e de Língua Árabe. A sede do ILAEI é em Maringá, no PR, porém já tem filiais em todo Brasil. Quem quiser entrar em contato com o ILAEI nessas duas cidades basta procurar a Mesquita Luz da Fé, em Campo Grande; ou a Mesquita de Anápolis, no interior de Goiás para mais informações. (Foto: Inauguração do ILAEI em Campo Grande, no dia 15).

FOZ DO IGUAÇU SE REUNE COM SHEIK KHALILO

Sheik Housein Khalilo reuniu-se com muçulmanos convertidos entre eles homens e mulheres para uma palestra na qual foi realizada na Hoseiniye da sociedade beneficiente islâmica de Foz do Iguaçu. O tema da palestra foi,  a princípio, sobre o período pré islam, tempo da ignorância “jahiliyah” (ignorância), no qual a sociedade pré-islâmica árabe não possuia conhecimento algum, tanto em assuntos divinos quanto éticos. Nessa época era comum entre as famílias enterrar as meninas ao nascer,  pois ter uma filha demonstrava vergonha perante a sociedade. Então surge o islam com uma nova filosofia de vida,  inovando os modos éticos e morais.

 "Quando a filha, sepultada vida, for interrogada. Por que delito foste assassinada?" (Alcorão 81: 8 e 9)
 
Também citou exemplos de como devemos lidar com nossos pais,  a piedade filial é um mandato divino. Deu exemplo da Sayida Zainab (a.s.) como protegeu seu irmão até o último momento de sua vida e após o incidente de Karbala foi ela quem passou adiante a história e assim até os tempos de hoje são recordados os dez dias de Ashoura.

"O decreto de teu Senhor é que não adoreis senão a Ele; que sejais indulgentes com vossos pais, mesmo que a velhice alcance um deles ou ambos, em vossa companhia; não os reproveis, nem os rejeiteis; outrossim, dirigi-lhes palavras honrosas" (Alcorão 17:23)
 
Enfatizou o papel da mulher na sociedade,  disse que a mulher acaba sendo mais que a metade pois ela influência muito a outra metade como mãe, esposa, filha e irmã… Citou nome de quatro mulheres as quais serão habitantes do Paraíso,  Mariam mãe de Jesus (a.s), Acia esposa de Faraó, Kadija esposa de Mohamad (a.s ) e Fátima filha de Mohamad (a.s ).

O Islam representa a união cooperativa de todos, para que assim  haja oportunidades de ser divulgado e fortalecido no caminho da fé, o caminho seguido por Mohamad (s.a) e os Ahlul al Bayt (a.s.). No total houve a presença de cerca de 30 muçulmanos na palestra....

Fonte original: http://www.islamfoz.com.br/sheik-housein-khalilo-foz-iguacu/ com algumas mudanças feitas pelo autor do blog para tornar o texto mais compreensível a não-muçulmanos.

terça-feira, 4 de março de 2014

ENCONTRO ACOTECEU NA MESQUITA DE SÃO MIGUEL


Entre os dias 01 e 03 de março aconteceu na Mesquita Khallid Ibn Al-Wallid, no bairro de São Miguel Paulista, aconteceu o Encontro Islâmico da Mesquita de São Miguel Paulista, onde houveram várias palestras durante os dias sobre os mais diversos temas. No sábado, que foi o primeiro dia, o Sheik Kamal Chaim, de São Bernardo do Campo (SP) palestrou em diversos momentos, e também foi o dia com maior participação do público. No segundo dia, domingo o mesmo Sheik Kamal fez uma palestra muito interessante falando sobre os relacionamentos islâmicos via internet, bem como também sobre o casamento e outras coisas que envolvem a vida de casados ou muçulmanos que queiram se conhecer, desvendando vários mitos sobre o assunto. No fim do dia ainda houve um casamento na mesquita assistido por vários daqueles que prestigiavam as palestras. No terceiro dia, a palestra de mais destaque foi sobre a vestimenta das mulheres, proferida por uma das mulheres que estavam nas palestras, e a mesma foi assistida por várias mulheres. Outros encontros estão sendo organizados em São Paulo para o futuro.