terça-feira, 22 de abril de 2014

NOTÍCIAS DO FERIADO

FOZ DO IGUAÇU (PR) E SÃO PAULO (SP) CELEBRAM NASCIMENTO DE FÁTIMA ZAHRA (AS)

A Husseinya de Foz do Iguaçu, no interior do Paraná, e a Mesquita do Brás, em São Paulo capital, celebraram nessas quinta e sexta passadas (17 e 18 de abril) o aniversário de Fátima Zahra (as), a filha do Profeta Muhammad (saas) e esposa do Imam Ali (as). Em São Paulo a celebração se deu na noite de quinta-feira, onde o Sheik falou por cerca de 1 hora sobre Fátima (as). Em Foz a celebração se deu na noite de sexta-feira, onde houve grande participação das mulheres da comunidade, bem como muitas crianças do grupo de escoteiros da cidade, e terminou com a fala do líder espiritual do local o Sheik Mohammad Khalil sobre o tema.

INSTITUTO DE SÃO PAULO REALIZA CURSO

O Instituto Islâmico, sediado na zona sul de São Paulo capital, cujo professor e diretor é o renomado Sheik saudita Wafi Al-Jabtry, realizou de sexta (18) a domingo (20) um seminário que visava instruir os alunos de como começar a ler o Alcorão. Na sexta e no sábado, os alunos que compareceram para o curso aprenderam como ler o árabe, e no domingo já estavam lendo o Alcorão Sagrado em árabe. O curso contou com a presença de muitas mulheres e alguns homens, todos buscando um pouco mais de conhecimento da religião.

quarta-feira, 16 de abril de 2014

A MESQUITA DE CARAMBEÍ, PR

 
Essa é talvez uma das menores mesquitas e menores comunidades islâmicas do Brasil. Ela surgiu por causa dos problemas que se agravaram na cidade vizinha de Ponta Grossa devido a constante luta entre sunitas e xiitas na referente comunidade, tanto que hoje os muçulmanos sunitas de Ponta Grossa todos costumam frequentar muito mais a Mesquita de Carambeí do que a de Ponta Grossa, mas não queremos nos aprofundar nesses detalhes.

A cidade de Carambeí é uma cidade pequena do interior do Paraná, com cerca de 20 mil habitantes e localizada a poucos kilômetros de Ponta Grossa, que fica a cerca de uma hora de viagem da capital Curitiba. A cidade se destaca muito por causa da imigração holandesa, que chegou ao local em massa no início do século XX.

Em meados dos anos 2000 os sunitas de Ponta Grossa encontravam algumas dificuldades para frequentar a Mesquita local, então a CDIAL, uma das organizações ue toma conta do islam no país, resolveu financiar para esses muçulmanos o aluguel numa sala de orações na própria cidade de Ponta Grossa para os sunitas, porém alguns dos mesmos contestaram para não ver a comunidade se dividindo ainda mais e deixar a mesquita local praticamente sem frequentadores, então a CDIAL resolveu abrir uma mesquita numa cidade próxima, pois assim não faria que sempre os muçulmanos deixassem a mesquita de Ponta Grossa para ir nessa, somente em casos esporáticos, e assim escolheu a cidade de Carambeí.

Para comandar essa nova mesquita, a CDIAL escolheu o Hajj Ismail Muhammad, um pernambucano que foi estudar na Síria. Assim ele se mudou para a cidade com sua família, que é toda muçulmana, e transformou a casa que ele alugou em uma mesquita, seguindo os planos e moldes da CDIAL e iniciou os trabalhos por lá. Ele assim fez a primeira casa transformada em Mesquita do país, e a nomeou de Mesquita Omar Ibn Al-Khattab. A partir desse momento, além dos serviços religiosos, o Hajj Ismail também começou a dar aulas de religião e de árabe para a população local.

Hoje, em suma, a comunidade islâmica de Carambeí é formada apenas pela família do Hajj Ismail e mais algumas pessoas da cidade, não ultrapassando o número de 15 adeptos na cidade (estimativa), porém a mesquita conta com total apoio dos muçulmanos da cidade de Ponta Grossa, que costumam se deslocar muito para o local, principalmente nos finais de semana para as aulas e orações, assim reunindo as duas comunidades, a de Carambeí e a sunita de Ponta Grossa deve dar num total de cerca de 30 muçulmanos que frequentam a Mesquita de Carambeí. Porém os trabalhos para o aumento desse número já começaram, e a Mesquita recebe apoios direto da Mesquita de grande porte mais próxima, a de Londrina.

A Mesquita conta hoje com alguns espaços, apropriados para os muçulmanos fazerem suas rezas, bem como uma ampla cozinha, uma varanda para o lazer, uma pequena biblioteca e locais para a ablução, bem como banheiros. Há ainda salas que foram adptadas para serem salas de aulas, contando na mesma o escritório do Hajj.

Para aqueles que desejarem visitar a Mesquita, segue o endereço abaixo e o horário:

Mesquita Omar Ibn Al-Khattab
Avenida dos Pioneiros, 1739, Centro, Carambeí, PR.
Sextas-Feiras aberta para sermão das 11:30 hrs as 14 hrs.
Sábados e Domingos aberta o dia todo.  


sábado, 12 de abril de 2014

NOVOS CENTROS ISLÂMICOS SÃO CRIADOS

Foram criados mais dois novos centros islâmicos xiitas essa semana, o Centro Cultural Imam Hussein, no Rio de Janeiro - RJ, e o Centro Cultural Islâmico Ahlul-Bayt, em Foz do Iguaçu - PR. Juntando a já criada Mussala de Aracaju - SE, e as ILAEI de Goiânia (GO) e Campo Grande (MS) (sunitas), em janeiro e fevereiro, já são 5 novas entidades islâmicas criadas só nesse início de 2014. Os dois novos centros seguem os moldes do pioneiro Centro Cultural Imam Ali, criado em Abril de 2013 na cidade de São Paulo, ou seja, são centros direcionados aos brasileiros, ao ensino da religião islâmica para brasileiros, e todos os três centros ficam sobre a jurisdição do Sheik Hossein Khalliloo, iraniano formado na Universidade de Qom e representante do Ayatollah Sayyd Khamenei no Brasil. O Centro de Foz já está com atividades marcadas para entregas de folhetos nas ruas da cidade, porém os três centros já planejam novas atividades para o decorrer desse ano.

A criação desses 2 novos centros, se juntando a criação da mussala no Sergipe e as escolas de Goiás e Mato Grosso do Sul representam o claro crescimento do islam no Brasil, pois nos dois últimos ano mais esse já foram criadas 07 novas entidades islâmicas, incluindo a Mesquita de Manaus. O envio de um Sheik formado para cuidar das mesquitas de Goiás mês passado mostra claramente que o islam está chegando a cada vez mais brasileiros, bem como o aparecimento de cada vez mais cursos que visam capacitar os novos revertidos na religião também são cada vez maior, tanto que na capital paulista eles não param, quase todas as mesquitas oferecem aulas em português, e no sábado a Mesquita do Pari costuma ficar lotada para as aulas. O islam cresce em solo brasileiro, cada vez mais.

quinta-feira, 10 de abril de 2014

CURSO DE LEITURA DO ALCORÃO NO FERIADO

Para o próximo feriado, entre 18 e 21 de Abril, várias mesquitas e entidades islâmicas pelo Brasil estão preparando cursos para serem oferecidos. O primeiro já saiu, será o curso de Leitura do Alcorão oferecido pela Mah'ad Al-Islamyah de São Paulo, onde durante os 3 dias (18 a 20) os alunos poderão aprender as principais regras de tajuid (leitura) do Alcorão. O curso será ministrado pelo Sheik Wafi Al-Jabtry, saudita, e um dos principais sábios muçulmanos que falam português.

Mais informações na sede do Instituto, na Rua Pirituba, 260, Saúde, São Paulo, SP. Não percam essa oportunidade de aprender como ler o livro de Allah (swt). Mais informações futuras em nossa página no facebook: http://facebook.com/IslamismoBrasil bem como informações de outros cursos que ocorrerão no feriado.